Skip to content

Remetendo a Temporada Passada


Leonardo Lopes vence a 3º seguida e embola a briga pelo campeonato; Marcos Riffel se recupera e é 2º; Anderson Roberto fatura seu primeiro pódio na categoria.

FN1 Leonardo Lopes Xangai

Ao melhor estilo “mineirinho”. Assim vem sendo Leonardo Lopes (Sinister). Depois de um começo tímido, o piloto da equipe rubro-negra agora se posta como franco favorito, algo que ele mesmo realizou na temporada anterior e vem buscando repetir. Com a vitória o piloto se aproxima da briga entre os ponteiros. Marcos Riffel (Kemba) se recupera de duas corridas medianas e finaliza a etapa em 2º, reassumindo a liderança na tabela. Anderson Roberto (Hattrick) fecha o pódio e conquista seu melhor resultado até aqui na nova categoria.

No período classificatório, Riffel crava o melhor tempo restando pouco mais de 2 minutos para o fim do Q1 e se manteve até o final. O piloto da Kemba teve a companhia para o Q2 de Rafa Souza (Snow Schatten), Felipe Giro (Snow Schatten), Lopes, Lucas Alves (Snow Schatten), Erick Alves (Pegoraros), Rhanan Gomes (Marsch), Armando Goñes (Pegoraros), Renan Barbosa (Marsch) e Roberto. NO Q2, o primeiro a marcar volta rápida foi Giro. Mas Riffel tomou a dianteira nos segundos finais. O piloto da Kemba pouco pode comemorar, pois com os cronômetros já zerados, Lucas assume a dianteira, superando em quase 0.300 segundos a até então volta mais rápida.

No apagar das luzes vermelhas um acidente na curva 2 envolve ao menos 7 carros a partir da 11º colocação, enquanto Lucas tenta abrir dianteira para Souza. Enquanto vários pilotos se dirigiam aos boxes para efetuar reparos, Roberto se aproveita do erro de Goñes na entrada da reta dos boxes e assume a 8º colocação no início da volta 3 enquanto Helber Santos (Sinister) e Barbosa vieram disputando ferrenhamente a 11º posição ao fim da mesma volta, com vantagem para o piloto da Sinister, que ainda aplicou um belo X no adversário da Marsch na curva 6.

Na dianteira, Lucas perde a liderança em um lance que infelizmente não se teve acesso. Fato é que com isso, Riffel se beneficia e supera Lucas e Souza, assumindo a liderança da etapa. Mas o #30 não desfrutou muito da ponta e na volta seguinte Souza se vale do uso do DRS e assume a 1º colocação. Lucas que já tinha problemas suficientes arranjou mais um ao bater forte na entrada da reta dos boxes e perder a asa traseira no início da volta 10, volta essa que marca o começo da rodada de pit stops com Souza e Erick indo trocar os compostos. Lopes, que largara com os pneus médios já figurava na 3º colocação. No retorno Erick faz bom uso dos compostos novos e supera Santos e Barbosa na reta oposta. O piloto ainda levou um susto ao entrar na reta dos boxes e se deparar com a Maserati de Rafael Santucci atravessada na pista. Por sorte, todos passaram bem.

Com a parada de Riffel na volta 12 e Giro na volta seguinte, Lopes assume a liderança. A corrida seguia com muitas ultrapassagens por todos os pelotões: Roberto x Gomes, Erick x Leonardo Imolesi (Kemba), Marcio Abduch (eXtreme Unicef) x Walber Borges (Brasileiríssima) Neto Vidal (Sinister) x Wagner Vezzali (eXtreme Unicef), além de um minicampeonato de drift com as participações de Riffel e Gomes. Na volta 17, Lopes faz sua parada para troca de pneus, o que faz que Souza reassuma a liderança da etapa. E para espanto geral, o #118 retorna aos boxes na volta 19, o que sugeriu um desgaste excessivo ou um desconforto com os pneus. Na volta 22, Lopes usa de toda a vantagem que o pneu macio e o DRS lhe oferecem e supera Giro, assumindo a liderança da etapa.

Restando pouco mais de 10 voltas para o fim, os pilotos retorram aos boxes para as paradas finais. Riffel e Griro param novamente com 1 volta de intervalo e regressam na 5º e 3º colocações respectivamente. Souza segue a caça de Lopes que tinha uma confortável vantagem de 10 segundos para o Jato Italiano. Riffel vinha abrindo caminho e superou Erick na freada da curva 11, assumindo a 4º colocação. E na tentativa de recuperar terreno com voltas de classificação, Souza para restando 9 voltas e coloca os compostos macios, retornando na 5º colocação.

A 2 voltas para o final, Souza abre caça a Riffel, na batalha pelo 3º lugar. O piloto tenta a manobra na curva 6, mas Riffel se defende. O piloto da Snow Schatten sai melhor e tenta por fora na curva 7, recebendo um leve toque de Riffel. Na reta oposta, Souza cola no adversário e usa o DRS para fazer a ultrapassagem, mas acaba tendo a porta fechada pelo adversário. O #118 leva a pior, pois com o toque acabou sendo arremessado contra o muro, batendo forte e perdendo as asas dianteira e traseira, se complicando na luta pelo campeonato. Quem tinha tudo para assumir a liderança também teve problemas: Giro caiu a metros do fim da etapa. Se abstendo de maiores problemas, Lopes cruzou a linha de chegada, vencendo a 3º prova seguida e tumultuando ainda mais a tabela de classificação.

Na coletiva, Roberto comemorou o pódio inusitado. O piloto ainda comentou que a adaptação ao novo carro está sendo onerosa e espera um melhor rendimento na T2, com um novo ânimo após o pódio na etapa. Já Riffel abiu sua entrevista dizendo que teve problemas nos pits. O piloto comentou do incidente com Souza e disse que ainda não sabe o que houve e que precisa aguardar a análise da direção, mas era nítido o abatimento na voz do piloto. Já Lopes ressaltou que a vantagem na economia dos pneus pode estar vindo de uma tocada mais estável. “Quando percebi que não chegaria no tempo dos pilotos da Snow, ainda no Q1, decidimos mudar e largar com os compostos mais duros”, disse Lopes, que finalizou lamentando os infortúnios de Giro e Souza, mas lembrou que, como na temporada passada, foi um modo de chegar vivo na disputa na última etapa do campeonato.

Os pilotos partem para a grande Final da FN1 voltando ao berço da F1: o Velho Continente. A etapa de Barcelona marca o fim de mais uma emocionante temporada nos monopostos da NeoBR. Quem leva o título por pilotos? Essa resposta só será dada após a bandeirada final e até lá, muita emoção deve rolar pela tela do Portal XTR. Então compromisso firmado para 26/04, as 20:00 ao vivo.

Obs. A Matéria é escrita com base nas informações de VT e não leva em consideração análises de direção de prova, o trabalho é feito paralelamente e o cronista não tem acesso aos pré-resultados, tendo total autonomia para destacar os acontecimentos assistidos por ele e sob a sua ótica.

Penalizações

Anderson Roberto
1.2 Contato Lateral com danos ao adversário, forçando ultrapassagem ou fornecendo situação danosa: acréscimo de 25 segundos
Volta 15/ 1:23

Marcos Riffel
1.2 Contato Lateral com danos ao adversário, forçando ultrapassagem ou fornecendo situação danosa: acréscimo de 25 segundos
Tempo total do Replay: 65:00

Etapa 06 – Xangai

Track: Etapa 06 – Xangai

Date: 13/04/2015 20.59.00
DownloadLink: Here
DateTime Session Winner Best Lap
13/04/2015 20.59.00 QUALIFY Lucas Alves 1:32.788
13/04/2015 20.59.00 RACE Leonardo Lopes 1:34.719

Etapa 06 – Xangai:RACE

Pos Driver Team Car Class Time Gap Laps Points Race%
1 Leonardo Lopes Sinister Race Team NeoBR-AV FN1 NeoBR-AV FN1 01:02:09.261 -:–.— 038 66 100
2 Marcos Riffel Kemba Snow Schatten NeoBR-AV FN1 NeoBR-AV FN1 01:02:49.570 0:40.308 038 57 100
3 Leonardo Imolesi Kemba Snow Schatten NeoBR-AV FN1 NeoBR-AV FN1 01:03:05.295 0:56.033 038 50 100
4 Rhanan Gomes Marsch Team NeoBR-AV FN1 NeoBR-AV FN1 01:03:05.546 0:56.283 038 45 100
5 Anderson Roberto Hattrick Racing NeoBR-AV FN1 NeoBR-AV FN1 01:03:25.105 1:15.842 038 41 100
6 Rafa Souza Snow Schatten Racing Team NeoBR-AV FN1 NeoBR-AV FN1 01:03:51.377 1:42.116 038 38 100
7 Felipe Giro Snow Schatten Racing Team NeoBR-AV FN1 NeoBR-AV FN1 None + 1 Laps 037 31 97
8 Erick Alves Pegoraros Racing by Snow Schatten NeoBR-AV FN1 NeoBR-AV FN1 DNF + 1 Laps 037 27 97
9 Armando Gones Pegoraros Racing by Snow Schatten NeoBR-AV FN1 NeoBR-AV FN1 DNF + 1 Laps 037 24 97
10 Renan Barbosa Marsch Team NeoBR-AV FN1 NeoBR-AV FN1 01:02:26.710 + 1 Laps 037 26 97
11 Helber Santos Sinister Race Team NeoBR-AV FN1 NeoBR-AV FN1 01:02:38.107 + 1 Laps 037 23 97
12 Marcio Abduch eXtreme Unicef NeoBR-AV FN1 NeoBR-AV FN1 01:02:40.512 + 1 Laps 037 20 97
13 Walter Borges Brasileirissima NeoBR-AV FN1 NeoBR-AV FN1 DNF + 2 Laps 036 12 95
14 Pedro Franca Marsch Team NeoBR-AV FN1 NeoBR-AV FN1 01:02:37.670 + 2 Laps 036 14 95
15 Vinicius Vianna Scuderia Maserati NeoBR-AV FN1 NeoBR-AV FN1 01:02:38.604 + 2 Laps 036 11 95
16 Marcelo Cosme Pittbull Racing NeoBR-AV FN1 NeoBR-AV FN1 01:02:42.755 + 3 Laps 035 10 92
17 Wagner Vezzali eXtreme Unicef NeoBR-AV FN1 NeoBR-AV FN1 DNF + 4 Laps 034 4 89
18 Rafael Santucci Scuderia Maserati NeoBR-AV FN1 NeoBR-AV FN1 DNF + 4 Laps 034 3 89
19 Neto Vidal Sinister Project NeoBR-AV FN1 NeoBR-AV FN1 01:02:24.059 + 4 Laps 034 7 89
20 Marcelo Fongaro Pittbull Racing NeoBR-AV FN1 NeoBR-AV FN1 Suspension + 28 Laps 010 0 26
21 Lucas Alves Snow Schatten Racing Team NeoBR-AV FN1 NeoBR-AV FN1 Suspension + 30 Laps 008 0 21
22 Gonzalo AIello Pegoraros Racing by Snow Schatten NeoBR-AV FN1 NeoBR-AV FN1 DNF + 36 Laps 002 0 5
23 Antenor Junior Shadow Racing NeoBR-AV FN1 NeoBR-AV FN1 Suspension + 36 Laps 002 0 5

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: