Skip to content

Rivalidade acirrada: 1 a 1 em Curitiba


Leonardo Lopes vence primeira bateria e continua na liderança, Lisowski dá o troco na segunda bateria que se encerra antes do final.

Curitiba Lopes Lisowski

Rivalidades, elas apimentam o campeonato, trazem os holofotes para o espetáculo colocam em evidência seus protagonistas e elevam o nível da disputa.

O que seria de  Hunt sem Lauda? Senna sem Prost? Ou em 2008 de Hamilton sem Massa na fórmula 1? Rosberg vs Hamilton? Definitivamente elas fazem bem para o esporte a motor.

Quando o ano se iniciou na TN1, Shadow Racing, atual bi-campeã da Tn1, era apontada como a grande favorita e difícil era encontrar um equipe capaz de rivalizar com a experiente equipe. Mesmo com a ausência de Guido Seelig atual bi-campeão da categoria, era fácil apontar que Rodrigo Lisowski, Jorge Cavalli e Michel Araújo vindo da principal rival a Marsch Racing como franca favorita ao Tri.

Eis que de última hora, no apagar das luzes aparece uma equipe e um piloto em especial, Leonardo Lopes que tem um ano aquém das expectativas na Fn1, concentrou suas forças na outra prova realizada no domingo da liga a TN1, como substituto  o piloto surgiu e ganhou a primeira prova em Interlagos e ali desenhava-se mais uma grande rivalidade no automobilismo virtual.

Mesmo com outros protagonistas no campeonato e bons nomes surgindo como Filipe Campos (Dark Shadow) e Pablo Gomes (Insanox), além do bom Diego Acebedo (Insanox) ou da experiência inquestionável de Gean Celso (sinister) só para citar alguns nomes de destaque, não há atualmente uma rivalidade mais representada que a de Lisowski vs Lopes, exemplificada pelo resultado da terceira etapa em Curitiba.

Na primeira bateria as opções e variações de estratégia levaram os pilotos a se debruçar nas contas matemáticas, nos cálculos de combustível, enquanto a maioria partiria para não fazer paradas, a Sinister menos Celso e Helber Santos, a Insanox e Romeu Costa, estavam preparados para parar uma vez.

Lopes que fez a pole, foi pressionado na largada por Lisowski, que assumiu a ponta por alguns instantes na reta, mas a preocupação com a defesa de posição depois da boa largada de Acebedo colocou Leonardo na ponta e Rodrigo de volta na segunda posição, voltas depois um acidente entre Lisowski e Acebedo retirou a briga pela ponta dos dois pilotos e de quebra acabou levando bons nomes como Gean Celso e Marcos Riffel para o meio do grid. Quando Lopes parou para abastecer e trocar dois pneus, os 16 segundos de parada mais a saída dos boxes o levaram para a 5ª posição. E o piloto que gosta de fortes emoções, Gustavo Frigotto, novamente tirou um carta da manga e assumiu a liderança da etapa. A grande batalha entre Frigotto e a economia foi perdida e o piloto foi ao boxes na última volta para fazer um Splash and Go, Riffel e Campos batalhavam com o carro também preocupados com a economia e Lopes sorriu, conseguiu na última volta assumir a ponta e abrir vantagem em relação a Lisowski que se recuperou bem e terminou em 4º.

Destaque também para Helber Santos na primeira bateria conquistando 15 posições saindo de uma longínqua 24ª posição para terminar no Top 10 em 9º.

O segundo round dessa batalha já estava programado para o mesmo local em uma segunda bateria que começaria desastrosa um erro e um grande acidente mexeram demais no grid, Lopes foi vitimado, Lisowski não, o piloto da Shadow aproveitou e foi pra cima dos adversários com a “faca nos dentes” como ele mesmo definiu, assumiu a ponta e não saiu mais de lá, vitória do piloto que segurou o ímpeto e a tentativa de disparar do piloto da Sinister Project.

A rivalidade e a dualidade aumentam, dois grandes protagonistas elevam o nível da competição e agora é esperar pelo bom traçado de Goiânia que guarda semelhanças com a etapa paranaense.

Destaques da segunda bateria:

– Pablo Gomes (Insanox) chegou pela primeira vez no pódio e confirmou ser um bom nome que surge no Av.

– Gustavo Frigotto (Snow Shatten) continua na batalha para se aproximar dos líderes e termina em terceiro.

-Gean Celso (Sinister)  foi impressionante, fugiu do incidente gigante na segunda bateria e ganhou 20 posições ao fim da etapa.

-Pedro Delgado (Kemba) fez excelente prova, 5º na primeira bateria e 4º na segunda.

Penalizações

Obs. Devido a queda do simulador na segunda bateria as penalizações em segundos, foram apenas implantados na carteira, as penalizações de posição foram aplicadas. Pelo mesmo motivo o ponto bônus por completar a etapa não foi aplicado aos pilotos.

Emerson Czerkawsky
1.8 Causar acidentes em volta de apresentação (quando houver), ou durante o período da largada (entende-se como período da largada o período que vai da aceleração inicial até a primeira desaceleração): Largar sem classificação na próxima etapa.
Tempo total do Replay: 2:38 – Bateria I

Gustavo Gomes
1.1 Contato fazendo adversário rodar: acréscimo de 25 segundos
Volta 05/0:17 – Bateria I
Volta 03/0:28 – Bateria II
Total das penalização: 50 Segundos

Romeu Costa
1.1 Contato fazendo adversário rodar: acréscimo de 25 segundos
Volta 07/0:42 – Bateria I

Felipe Portela
1.9.5 Realizar manobra de ultrapassagem em ponto improvável e/ou inadequado (Volta de Apresentação: Acrescimo de 20 segundos
Tempo total do Replay: 1:30 até 2:40 – Bateria II

Gean Celso
1.1 Contato fazendo adversário rodar: acréscimo de 25 segundos
Volta 03/ 0:41 – Bateria II

Wellington Gandin
1.9.5 Realizar manobra de ultrapassagem em ponto improvável e/ou inadequado: Acrescimo de 20 segundos
1.35 Incidentes ocorridos na primeira volta terão peso dobrado (x2)
Total da Penalização 40 Segundos
Tempo total do Replay: 3:04 – Bateria II

Jorge Cabrita
1.1 Contato fazendo adversário rodar: acréscimo de 25 segundos
1.35 Incidentes ocorridos na primeira volta terão peso dobrado (x2)
Volta 01/ 0:47 – Bateria II
1.9.5 Realizar manobra de ultrapassagem forçando contato: Acrescimo de 20 segundos
Volta 07/ 0:10
Total da Penalização 70 Segundos

Diego Acebedo
1.9.5 Realizar manobra de ultrapassagem em ponto improvável e/ou inadequado: Acrescimo de 20 segundos
Volta 06/ 0:40 – Bateria II

Etapa 03 – Curitiba

Track: Etapa 03 – Curitiba

Date: 08/03/2015 11.34.00
DownloadLink: Here
DateTime Session Winner Best Lap
08/03/2015 11.34.00 QUALIFY Leonardo Lopes 1:16.260
08/03/2015 11.34.00 BATERIA 1 Leonardo Lopes 1:16.425
08/03/2015 11.34.00 BATERIA 2 Rodrigo Lisowski 1:16.513

Etapa 03 – Curitiba:BATERIA 1

Pos Driver Team Car Class Time Gap Laps Points Race%
1 Leonardo Lopes Sinister Project Chevrolet Chevrolet 40:54.793 -:–.— 031 67 100
2 Marcos Riffel Snow Schatten Racing Team Chevrolet Chevrolet 40:57.987 0:03.193 031 57 100
3 Filipe Campos Dark Shadow Peugeot Peugeot 41:00.606 0:05.813 031 50 100
4 Rodrigo Lisowski Shadow Racing Peugeot Peugeot 41:10.981 0:16.187 031 45 100
5 Pedro Delgado Kemba Snow Schatten Chevrolet Chevrolet 41:13.876 0:19.083 031 41 100
6 Gustavo Frigotto Snow Schatten Racing Team Chevrolet Chevrolet 41:19.481 0:24.687 031 38 100
7 Jorge Cavalli Shadow Racing Peugeot Peugeot 41:22.362 0:27.568 031 35 100
8 Pablo Gomes Insanox Race Team Peugeot Peugeot 41:26.285 0:31.491 031 32 100
9 Helber Santos Sinister Race Team Chevrolet Chevrolet 41:30.119 0:35.326 031 29 100
10 Marlos Costa 0km Racing Team Chevrolet Chevrolet 41:36.014 0:41.220 031 26 100
11 Rhanan Gomes Marsch Team Chevrolet Chevrolet 41:36.647 0:41.854 031 23 100
12 Fabio Velloso Marsch Team Chevrolet Chevrolet 41:40.947 0:46.153 031 20 100
13 Wellington Gandin Insanox Sport Race Chevrolet Chevrolet 41:50.299 0:55.505 031 17 100
14 Gustavo Gomes Kemba Snow Schatten Chevrolet Chevrolet 42:06.580 1:11.786 031 14 100
15 Yuri Bascope Kemba Snow Schatten Chevrolet Chevrolet 42:12.208 1:17.414 031 11 100
16 Jose Coimbra 0km Racing Team Chevrolet Chevrolet Fuel + 1 Laps 030 5 97
17 Emerson Czerkawsky Team Schnell Chevrolet Chevrolet 41:03.665 + 1 Laps 030 9 97
18 Jorge Cabrita 2014 Jorge Team Chevrolet Chevrolet 41:10.720 + 1 Laps 030 8 97
19 Neto Vidal Sinister Project Chevrolet Chevrolet 41:16.528 + 1 Laps 030 7 97
20 Felipe Portela Sinister Project Chevrolet Chevrolet 41:17.848 + 1 Laps 030 6 97
21 Diego Acebedo Insanox Sport Race Chevrolet Chevrolet 41:27.745 + 1 Laps 030 5 97
22 Ricardo Cabrera Insanox Race Team Peugeot Peugeot 41:33.293 + 1 Laps 030 5 97
23 Diogo Moreno Sinister Race Team Chevrolet Chevrolet 41:52.380 + 1 Laps 030 5 97
24 Kaio Moraes Insanox Sport Race Chevrolet Chevrolet 42:12.244 + 1 Laps 030 5 97
25 Romeu Costa Romeu Racing Chevrolet Chevrolet 42:24.021 + 2 Laps 029 5 94
26 Gean Celso Sinister Race Team Chevrolet Chevrolet Suspension + 21 Laps 010 0 32
27 Julio Coimbra Snow Schatten Racing Team Chevrolet Chevrolet Suspension + 31 Laps 000 0 0
28 Everson Teixeira Storm Shadow Peugeot Peugeot Suspension + 31 Laps 000 0 0

Etapa 03 – Curitiba:BATERIA 2

Pos Driver Team Car Class Time Gap Laps Points Race%
1 Rodrigo Lisowski Shadow Racing Peugeot Peugeot DNF -:–.— 010 31 100
2 Pablo Gomes Insanox Race Team Peugeot Peugeot DNF -:–.— 010 27 100
3 Gustavo Frigotto Snow Schatten Racing Team Chevrolet Chevrolet DNF -:–.— 010 23 100
4 Pedro Delgado Kemba Snow Schatten Chevrolet Chevrolet DNF -:–.— 010 20 100
5 Gustavo Gomes Kemba Snow Schatten Chevrolet Chevrolet None -:–.— 010 18 100
6 Gean Celso Sinister Race Team Chevrolet Chevrolet DNF -:–.— 010 17 100
7 Everson Teixeira Storm Shadow Peugeot Peugeot DNF -:–.— 010 15 100
8 Fabio Velloso Marsch Team Chevrolet Chevrolet DNF -:–.— 010 14 100
9 Julio Coimbra Snow Schatten Racing Team Chevrolet Chevrolet DNF -:–.— 010 12 100
10 Emerson Czerkawsky Team Schnell Chevrolet Chevrolet None -:–.— 010 11 100
11 Diego Acebedo Insanox Sport Race Chevrolet Chevrolet DNF -:–.— 010 9 100
12 Marlos Costa 0km Racing Team Chevrolet Chevrolet DNF -:–.— 010 8 100
13 Leonardo Lopes Sinister Project Chevrolet Chevrolet DNF -:–.— 010 6 100
14 Jorge Cavalli Shadow Racing Peugeot Peugeot DNF -:–.— 010 5 100
15 Rhanan Gomes Marsch Team Chevrolet Chevrolet DNF -:–.— 010 3 100
16 Kaio Moraes Insanox Sport Race Chevrolet Chevrolet DNF -:–.— 010 3 100
17 Neto Vidal Sinister Project Chevrolet Chevrolet DNF -:–.— 010 2 100
18 Helber Santos Sinister Race Team Chevrolet Chevrolet DNF -:–.— 010 2 100
19 Jorge Cabrita 2014 Jorge Team Chevrolet Chevrolet DNF -:–.— 010 1 100
20 Felipe Portela Sinister Project Chevrolet Chevrolet DNF + 1 Laps 009 1 90
21 Jose Coimbra 0km Racing Team Chevrolet Chevrolet None + 1 Laps 009 0 90
22 Marcos Riffel Snow Schatten Racing Team Chevrolet Chevrolet DNF + 1 Laps 009 0 90
23 Diogo Moreno Sinister Race Team Chevrolet Chevrolet DNF + 1 Laps 009 0 90
24 Ricardo Cabrera Insanox Race Team Peugeot Peugeot DNF + 2 Laps 008 0 80
25 Everaldo Castro Marsch Team Chevrolet Chevrolet DNF + 5 Laps 005 0 50
26 Michel Araujo Shadow Racing Peugeot Peugeot DNF + 5 Laps 005 0 50
27 Yuri Bascope Kemba Snow Schatten Chevrolet Chevrolet DNF + 5 Laps 005 0 50
28 Romeu Costa Romeu Racing Chevrolet Chevrolet Accident + 7 Laps 003 0 30
29 Wellington Gandin Insanox Sport Race Chevrolet Chevrolet DNF + 10 Laps 000 0 0
30 Filipe Campos Dark Shadow Peugeot Peugeot DNF + 10 Laps 000 0 0

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: