Skip to content

Banquete!


Anderson Roberto vence prova em Spa-Francorchamps em nova apresentação de gala da Formula N2

Moules Frites e Waterzooi como pratos principais; antes da sobremesa, uma fatia de Limburger e para sobremesa Waffles ou o delicioso chocolate. Para beber, a saborosa Chimay ou a intensa Duvel. Mas não foi este o cardápio que se referia Ulisses Oliveira quando abriu os trabalhos pelo Portal XTR. A deliciosa Spa-Francorchamps foi palco da etapa que marcou a metade do campeonato. E o chef, digo, vencedor da etapa foi Anderson Roberto (Sinister), que novamente usou de estratégia para chegar e abrir uma boa diferença na liderança do campeonato. Na segunda posição, Leko Thayer (Hattrick) novamente chega ao pódio e vai à busca de melhores colocações na tabela geral. E, mantendo a tradição iniciada na etapa passada onde venceu pela primeira vez, Armando Goñes (Snow Schatten) decide a vaga no pódio na ultima volta.

O inicio da classificação trouxe Thayer cravando o melhor tempo a 4 minutos do inicio. O piloto da Hattrick foi superado logo depois por seu companheiro, Eduardo Segabinassi. O piloto assumiu a pole para não mais largar e conquistar sua primeira pole. Ao termino dos 10 minutos a ordem era a seguinte: Eduardo Segabinassi, Rafael Callegari (Shadow), Leko Thayer, Anderson Roberto, Mauro Botosso (Storm Shadow), Armando Goñes (Snow Schatten), Márcio Medeiros (Hattrick), Renan Barbosa (Marsch), Fábio Vasconcelos (Dark Shadow), Rui Serrão (0km), Rafael Santucci (Scuderia Maserati), Davi Rocha (Marsch), Gabriel Pereira (0km), Rafael Sousa (Hattrick), Helber Santos (Sinister), Gonzalo Aiello (Snow Schatten), Elisa Arizono (Scuderia Maserati), Erick Alves (Snow Schatten), Filipe Campos (Shadow), Diego Said (Black Wings) e Eduardo Marques (Shadow). Por conta de punições, Alves, Aiello e Marques largariam dos boxes.

Na largada, Callegari acaba queimando. Sabendo de uma possível punição, o piloto investe pra cima de Segabinassi e assume a liderança por fora na Les Combes. Roberto também ganha posição na mesma curva, superando Thayer. Já Serrão acaba escorregando na Campus e perdendo varias colocações. Said faz exímia largada e ocupa a 10º colocação. O piloto da Black Wings queria mais e, depois de um ótimo contorno da La Source, sai no vácuo de Santucci. Said trouxe consigo Santos e ambos superaram o adversário da Maserati num lance muito similar a Hakkinen, Schumacher e Zonta em 1999. Mais a frente, Roberto supera Segabinassi na Les Fagnes e é segundo. O piloto da Hattrick tenta a reação na freada da Bus Stop, mas escorrega e cai para 4º.

O erro não parece ter abalado o piloto que, segundos depois retomara a posição se valendo do melhor acerto para partes de alta velocidade. Thayer também superou Roberto e o piloto da Sinister agora voltara a 4º colocação. No inicio da volta 4, Callegari cumpre a penalização e cai para 8º, enquanto Segabinassi e Thayer se alternavam na primeira colocação. Roberto tinha um acerto que visava mais o miolo de Spa, e logo também foi superado por Botosso na Kemmel Straight. Na briga pela 9º colocação, Santos supera Said na freada da Bus Stop passados apenas 10 minutos do início da etapa.

Enquanto os pilotos da Hattrick continuavam se alternando na liderança, Roberto foi para os boxes com apenas 6 voltas completadas, retornando na 12º colocação. Botosso vinha em um bom ritmo e superou Segabinassi na Blanchimont com pouco mais de 15 minutos do começo da etapa. Santos também vinha bem e superou Barbosa na freada da Bus Stop enquanto Goñes e Callegari iam para os boxes. Com toda a alternância, Roberto figurava em 6º ao superar Barbosa na Stavelot, mas logo tomou o troco na Blanchimont. Mas a luta não se encerraria ali.
Na volta 10, Roberto fez um belo X para na La Source para superar o piloto da Marsch, enquanto Thayer saída dos boxes. Barbosa, mesmo com pneus mais desgastados, usou todo o vácuo gerado na Eau Rouge e Kemmel Straight e superou ambos na Les Combes assumindo a 4º posição, após formarem um 3-Wide próximo à freada. Mas os pneus gastos começaram a cobrar seu preço e o piloto da Marsch escorregou na Bruxells, sendo superado por Thayer. Roberto também o superou, mas na saída da Courbe Paul Frère. Por fim, Said o superou por fora na Bus Stop e o piloto caiu para a 7º colocação.

Uma nova disputa na volta 12, novamente envolveu um dos estreantes da noite. Novamente Barbosa foi superado, desta vez por Goñes. Mais a frente, Said faz a ultrapassagem sobre Santos que tenta o troco na freada da Le Combes, mas acaba passando reto e caindo para 9º. Callegari vinha se recuperando e assumiu a 7º ao ultrapassar Barbosa na Bruxells. Segabinassi também procurava a recuperação e fez bela manobra na saída da Pouhon sobre Santos, mas acabou tocando Barbosa na Campus. O piloto da Hattrick rodou, enquanto o adversário da Marsch levou a pior, escapando e perdendo a asa dianteira.

Com a parada de Medeiros na volta seguinte, a prova acabava de chegar a sua metade. Thayer voltou a primeira colocação, sendo seguido por Roberto e Botosso. O piloto da Storm Shadow aliás foi vitima da “maldição da câmera onboard”, ao escapar na Rivage e bater forte, abandonando a etapa a 18 minutos do fim. Com isso Goñes começou a pressionar Medeiros, que herdara a 3º colocação, sendo seguido de perto por Callegari. Restando 10 minutos para o encerramento, o piloto da Snow Schatten tentou a manobra na Bruxells, mas acabou tendo problemas e escapou, sendo superado por Callegari. O piloto ainda superou Medeiros na freada da Pouhon, mas escapou acabou perdendo a colocação. Callegari insistiu, tracionando melhor na saída da Paul Frère acabou fazendo a manobra por fora na Blanchimont.

A 3 minutos do fim, Vasconcelos passa Santos na Kemmel Straight, mas o piloto da Sinister tentou o troco na Les Combes. Os pilotos dividiram a Bruxells e retomou por fora na Rivage. Vasconcelos novamente tomou a 10º colocação por dentro na Blanchimont. Santos tenta sair melhor na Bus Stop e coloca por dentro na La Source e vão lado a lado até a Eau Rouge. Santos acaba escapando e rodando, trazendo o carro de volta . Na ultima volta Goñes partiu pra cima de Callegari em busca da 3º colocação e conseguiu a manobra por fora na Les Combes. Callegari tenta o troco, mas escapa na saída da Rivage, bate, perde a asa traseira e abandona. Mais a frente, mesmo pressionado por Thayer, Roberto encaminhou-se para mais uma vitória na categoria.
Já na coletiva, Goñes exaltou a boa corrida, lembrado que a classificação não foi satisfatória. O piloto ainda relembrou do recente duelo com Callegari. Já Thayer exaltou que a emoção maior foi na ultima volta quando se aproximou de Roberto, na busca pela vitória. O piloto da Hattrick também exaltou o resultado e lembrou que mais uma vez, bateu na trave. Já Roberto relembrou que a equipe não tinha o melhor acerto para as longas retas. O piloto ainda confessou que antecipou as paradas para fugir do trafego e tentar virar voltas rápidas.

Os pilotos partem para mais um desafio em alta velocidade: Monza aguarda os pilotos com as longas retas e freadas fortes. Mais um banquete, regado desta vez a massa e bons vinhos? Com certeza, o melhor desjejum para estas e outras perguntas estarão disponíveis dia 29/08, ao vivo, a partir das 22:00 pelo Portal XTR.

Spa-Francorchamps:RACE

Confira a classificação no link

Pos Driver Team Car Class Time Gap Laps Points Race%
1 Anderson Roberto Sinister Race Team Formula N2 Formula N2 50:37.626 -:–.— 026 62 100
2 Leko Thayer Hattrick Formula N2 Formula N2 50:38.774 0:01.147 026 55 100
3 Armando Gones Snow Schatten Racing Team Formula N2 Formula N2 50:53.749 0:16.122 026 47 100
4 Gonzalo Aiello Snow Schatten Racing Team Formula N2 Formula N2 51:02.791 0:25.165 026 43 100
5 Marcio Medeiros Hattrick Formula N2 Formula N2 51:04.619 0:26.992 026 38 100
6 Erick Alves Snow Schatten Racing Team Formula N2 Formula N2 51:04.822 0:27.195 026 35 100
7 Eduardo Segabinassi Hattrick Formula N2 Formula N2 51:21.263 0:43.636 026 32 100
8 Filipe Campos Shadow Racing Formula N2 Formula N2 51:27.066 0:49.440 026 29 100
9 Fabio Vasconcelos Dark Shadow Formula N2 Formula N2 51:48.929 1:11.302 026 26 100
10 Helber Santos Sinister Absolut Formula N2 Formula N2 51:54.711 1:17.084 026 23 100
11 Rafael Callegari Shadow Racing Formula N2 Formula N2 Suspension + 1 Laps 025 18 96
12 Renan Barbosa Marsch Team Formula N2 Formula N2 51:06.962 + 1 Laps 025 17 96
13 David Rocha Marsch Team Formula N2 Formula N2 52:03.889 + 1 Laps 025 14 96
14 Eduardo Marques Shadow Racing Formula N2 Formula N2 52:14.481 + 1 Laps 025 11 96
15 Gabriel Pereira 0km Racing Formula N2 Formula N2 52:32.362 + 1 Laps 025 8 96
16 Rafael Santucci Scuderia Maserati Formula N2 Formula N2 52:34.081 + 1 Laps 025 7 96
17 Elisa Arizono Scuderia Maserati Formula N2 Formula N2 52:20.616 + 2 Laps 024 6 92
18 Rui SERRAO – FlinsTone 0km Racing Formula N2 Formula N2 DNF + 3 Laps 023 3 88
19 Mauro Botosso Storm Shadow Formula N2 Formula N2 Suspension + 8 Laps 018 2 69
20 Diego Said Black Wings RT Formula N2 Formula N2 DNF + 13 Laps 013 1 50
21 Rafael Sousa Hattrick Formula N2 Formula N2 DNF + 18 Laps 008 0 31

Penalizações

Eduardo Segabinassi
1.1 Contato fazendo o adversario rodar +25segs. (Volta 12/1:15)

Pontos na carteira

FN2  Seg
Rafael Sousa 20
Gonzalo Aiello 5
Ricardo Cabrera 50
Rafael Callegari 10
Jean Fernandes 5
Filipe Campos 5
Diego Said 25
Rui Serrão 50
Gustavo Gomes 75
Rafael Cruz 25
Anderson Roberto 10
Mauro Botosso 10
Erick Alves 75
Eduardo Marques 75
Eduardo Segabinassi 40
Fabio Vasconcelos 20
Gonzalo Aielo 75
Gabriel Pereira 20
Leko Thayer 60
Marcio Medeiros 5
Nathan Marchon 10
Rafel Santuci 60
Renan Barbosa 60
Rafael Sousa 10
Elisa 10
Armando Gones 25
Renan Lopes 15

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: