Skip to content

A Emoção da Chegada


O título do texto pode remeter a uma emoção arrebatadora da chegada de alguém há muito esperado. Mas a verdade é que nem mesmo o lendário circuito de Silverstone estava preparado para as chegadas acirradas que a Turismo N2 proporcionou. Diferenças mínimas separaram os vencedores do segundo colocado. Em ambas as baterias, carros quase emparelhados para a chegada. Foi assim na primeira bateria que terminou com a vitória de Diogo Moreno (Snow Schatten) e na segunda, em que o vencedor foi Anderson Roberto (Sinister).
As estranhas do ninho receberam o apoio de mais 2 carros. As BMWs, minoria no grid, teve a adoção em peso da Sinister. Com a estreia da segunda equipe (Sinister Absolut), a montadora alemã estampa agora 5 carros no grid. Era de se esperar que os Seats dominassem a primeira rodada de provas de tiro curto, com apenas 30 minutos. E isso foi demonstrado ao fim da sessão classificatória. Com 25 carros em pista, o primeiro representante da BMW figurava na 13º posição, com Rodrigo Zanga (Sinister). A corrida teria o seguinte tom, conforme mostrado por Alessandro Silva: Seat melhor no começo, BMW se equiparando no final.
O grid foi assim composto: Luiz Henrique (Shadow), Marcos Riffel (0km), Robson Vieira (Shadow), Diogo Moreno, Marcelo Becker (TCA), Breno Augusto (TCA), João Gabriel (Snow Schatten), Ricardo Salguerinho (Red Arrow Target), Claudemir Correa (Red Arrow Target), Rodrigo Borba (Target), Eduardo Bomfim (Shadow), Ike Ramos (0km), Rodrigo Zanga, Anderson Roberto, Leonardo Mesquita (Red Arrow Target), Gilson Rodrigues (Kemba), Felipe Lima (Sinister Absolut), Eduardo Carvalho (Sinister Absolut), Sidney Souza (Videre), Renan Lopes (Target), Neto Vidal (Nordesteam 100Limite), Maurício Rodrigues (TCA), Roni Champ (Videre) e Gean Celso (Sinister).
Com tantos carros era previsto algumas confusões na largada. E nenhuma aconteceu, exceto a escapada de Celso, que ficou preso na caixa de brita e teve que abandonar. Enquanto isso, lá na ponta Luiz caiu de 1º para 4º, Riffel assumiu a ponta e começou a mostrar um forte domínio, abrindo uma diferença confortável para os demais pilotos. Várias brigas e ultrapassagens foram ocorrendo até a rodada de pits, como a bela manobra de Roberto na saída da Copse ao ultrapassar Salguerinho e o mergulho de Zanga na Stowe superando Bomfim. Quando veio a rodada de pits, Luiz fez o que se esperava, trocou os pneus do seu Seat e voltou à pista. Entretanto essa estratégia não foi seguida pelos demais adversários. Tanto Moreno, Riffel e Vieira pararam nos boxes e somente abasteceram, tática que era esperada somente pelas BMW.
Ainda havia brigas intensas envolvendo mais de dois carros. Pela 8º posição eram 4 que estavam lutando: Ramos, Borba, Roberto e Gabriel, respectivamente. Na freada da Stowe, os pilotos da Target e da Snow Schatten tentaram a ultrapassagem, mas sem sucesso. Em nova tentativa na Vale, Gabriel mergulha e toca o carro da Sinister e acaba rodando. Já na 12º, novamente outro quarteto, desta vez encabeçado por Salguerinho, contava ainda com Lima, Augusto e Gabriel, que rodara instantes antes.
Enquanto isso, a outra Snow Schatten conduzida por Moreno pressionava a 0km de Riffel na disputa pela ponta; ambos sendo observados de perto por Vieira. Há minutos do fim, Moreno abre um ataque mais incisivo, ultrapassando Riffel na Stowe. O piloto da 0km espalha, vai na grama mais ainda volta a ponto de disputar a freada da Vale com o adversário. Com um contorno mais preciso, Moreno assume a ponta trazendo consigo Vieira na segunda colocação. Mas o piloto da 0km não se abala e ainda na nova Arena, assume a segunda colocação. Henrique se aproxima rapidamente de Vieira, graças aos pneus novos, mas o companheiro de Shadow não facilita na batalha pelo terceiro posto. Riffel tenta um último ataque na curva final, colocando o carro lado a lado com Moreno, passando a 0.049 do líder.
Na coletiva Vieira classificou a bateria inicial como fora de série. Já Riffel se surpreendeu com seu desempenho devido aos poucos dias de treino. Moreno também se disse surpreso com a prova e destacou a bela disputa com o adversário da 0km.
Veio então a segunda bateria com a polêmica e conturbada virada do grid. Com a inversão de 13 carros as brigas começaram nos primeiros metros com um belo 4 wide entre Lima, Gabriel, Ramos e Borba. Lá na frente, Augusto pressiona Mesquita e assume a liderança na saída da Club. Os vencedores da primeira bateria sofreram. O primeiro foi o vencedor. Moreno acabou sendo tocado por Zanga na Arena e acabou batendo sua Snow Schatten. Já Riffel, depois de tocar Gabriel na mesma Arena, rodou de forma estranha na Brooksland.
Assim como na primeira bateria, várias disputas pelo grid. Destaques para uma bela perseguição encabeçada por Rodrigues, que trouxe na companhia Bomfim, Riffel, Celso e Correia. Celso aliás foi destaque na bateria. Após largar na 25º posição o piloto da Sinister figurava em 6º. E também como na primeira bateria, Silverstone fez mais vítimas. Desta vez, Mesquita ficou preso na densa brita do traçado inglês e abandonou. Enquanto as brigas se dissipavam na pista, Roberto assume a primeira colocação amparado pela economia de pneus de seu BMW. Os últimos minutos guardaram ainda mais emoção. Augusto com um Seat visivelmente mais rápido perseguiu implacavelmente Roberto na disputa pelo primeiro lugar, e a terceira posição era disputada ferozmente por Ramos, Lima, Riffel e Henrique. No final, vitória de Roberto, com Augusto somente a 0.135s atrás do líder e um ótimo terceiro lugar para Ramos, colocando novamente a 0km no pódio.
Na entrevista Ramos destacou que foi uma ótima prova, e confessou que trocou os pneus a fim de tentar ganhar tempo e foi recompensado com um pódio. Já Augusto admitiu que, depois de uma ótima largada e da sua parada, ficou esperando um erro de Roberto para assumir a ponta. Já o vencedor disse que tentou corrigir o erro de largada da primeira bateria. Roberto ainda disse que esta foi uma das melhores corridas que fez por resistir implacavelmente ao ataque do piloto da TCA e também pelo fato de ter treinado a semana toda sem lastro.
Silverstone já deve estar com saudades da categoria, que parte do colonizador para a colônia. Da cinzenta Inglaterra para a ensolarada Califórnia. Laguna Seca é o próximo desafio dos pilotos da TN2. Serão eles ousados o suficiente para dividirem o temido Saca-Rolhas? Você confere isso no dia 14/03 as 22:00, na tela da XTR TV!

Texto: Vinicius Vianna

Confira o VT da Excelente Etapa:

Resultado da Etapa Clique Aqui

Top 5 da categoria
Pos Name Team Points Gap Starts Poles Wins Podiums
1 Anderson Roberto Sinister Race Team 111 0 3 0 2 2
2 Diogo Moreno P2P Snow Schatten Racing Team 80 31 3 0 1 1
3 Eduardo Bomfim Shadow Racing 80 31 3 0 0 0
4 Breno Augusto TCA Engenharia 66 45 3 0 0 1
5 Ricardo Salgueirinho TARGET Red Arrow 62 49 3 0 0 1
Top 5 Equipes
Pos Name Points Gap Starts Poles Wins Podiums
1 Shadow Racing 164 0 9 1 0 1
2 TARGET Red Arrow 151,5 12,5 9 0 0 1
3 Sinister Race Team 147,5 16,5 9 0 2 2
4 TCA Engenharia 112 52 9 0 0 1
5 P2P Snow Schatten Racing Team 94 70 9 0 1 1

Protestos Silverstone TN2

1ª Bateria

Rodrigo Zanga X Ike Ramos – Fez a qualificação e anotou o 13º, porém tomou 2 posições no alinhamento, largando da 11ª. Como não existe um artigo que defina essa punição, estou aplicando 50 seg
de penalização nesse caso específico.

Bruno Oliveira X Renan Lopes – Volta 3 0:32 – Deferido ( Art 1.1 + 25 Seg )

João Gabriel X Marcos Riffel – Excesso de velocidade no Boxes ( Não temos o replay da Qualy )
2ª Bateria

Rodrigo Zanga X Ike Ramos – Colisão após término da etapa – Deferido ( Art 1.7 Não fazer qualy na próxima etapa )

Diogo Moreno X Rodrigo Zanga – Volta 3 0:12 – Deferido ( Art 1.1 + 25 Seg )

João Gabriel X Marcos Riffel – Volta 3 0:25 – Deferido ( Art 1.1 + 25 Seg )

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: